Superstorm Entrevista: Eduardo Correia

Superstorm Entrevista: Eduardo Correia

O Superstorm Entrevista de hoje é com o Eduardo Correia, Country Partner da SharpSpring, que é uma das maiores parceiras do Superstorm e também uma plataforma de automação de marketing que não deixa a desejar em nada, além de ser uma plataforma que irá causar um impacto positivo no seu negócio.

Descubra por que centenas de agências em todo o mundo escolheram a SharpSpring!

1- Eduardo, como foi o início da sua jornada no mercado digital?

Minha primeira formação foi em Design, onde atuei como diretor de arte em agências de publicidade por alguns anos. No entanto, apesar de trabalhar no departamento criativo, eu sempre busquei me envolver com o marketing e as ações mais estratégicas das empresas. Desta forma as oportunidades de trabalhar com marketing digital foram surgindo, até o momento em que criei minha própria agência. Naquele tempo, eu e meu sócio Matheus Linzmeyer percebemos que trabalhar com a construção de sites, criação de newsletter e peças institucionais não era o melhor caminho para crescer e escalar um negócio a curto prazo. Foi neste cenário que encontramos a metodologia de inbound marketing e ações de automação de marketing como uma saída para ter uma agência com um diferencial competitivo.

2- Como foram os primeiros passos da SharpSpring no Brasil?

A SharpSpring é uma empresa com sede em Gainesville, na Flórida, porém, sempre teve um pensamento de expansão global. Hoje a empresa atua em 26 países, sendo um deles o Brasil – onde está há 10 meses. A SharpSpring chegou ao Brasil com uma plataforma robusta de automação de marketing, com preço acessível e focada no nicho de agência. O mercado estava carente por uma solução acessível como essa e logo ganhamos espaço no mercado brasileiro. Nos primeiros meses focamos em eventos e parcerias estratégicas para ganhar visibilidade e conquistar os primeiros casos de sucesso. Neste momento estamos iniciando nosso projeto de marketing de conteúdo, onde lançamos o nosso blog em português.

3- Qual é a solução que a SharpSpring entrega para o seus clientes?

A SharpSpring é um software de automação de marketing para agências, pequenas e médias empresas. Nossa solução trabalha desde a captação dos leads, nutrição e conversão dos leads em vendas. Além de toda tecnologia de automação de marketing, contamos com um CRM nativo para alinhar as estratégias do departamento de marketing e vendas. Para as agência temos grandes diferenciais competitivos, pois nosso modelo de negócios permite que as agências usem a ferramenta de modo white label, ou seja, as agências podem incluir a sua logo na plataforma e agregar o valor do branding com seus clientes.

4- Quais são os maiores desafios da SharpSpring no mercado brasileiro?

O mercado de inbound e automação de marketing ainda é incipiente no Brasil, sendo assim, temos a dificuldade, ou tarefa, de conscientizar as empresas dos benefícios dessas estratégias de marketing digital. O próprio marketing de conteúdo no Brasil é tratado de forma superficial, com conteúdo similares e pausterizados. Nosso desafio, além de oferecer um software robusto, é investir em serviço para que os nossos clientes tenham resultado.

5- Como funciona e qual a importância de uma plataforma de automação de marketing?

A tecnologia vem mudando a forma como nos relacionamos e consumimos produtos e serviços. Hoje os visitantes que acessam o seu site consomem conteúdo, e este conteúdo proporciona inteligência de dados para criar relacionamentos personalizados com as pessoas. Atualmente podemos rastrear todos os passos dos visitantes, desde a primeira visita no site até o fechamento da compra. A plataforma de automação de marketing é uma aliada neste processo de rastreio de comportamentos, entrega de conteúdos altamente segmentados e na ajuda para obtenção de insights para a equipe de vendas. Estes são alguns dos principais benefícios.

6- O inbound marketing é com certeza um dos métodos mais eficazes para fazer negócios no mundo digital. Explique como funciona esse processo.

A metodologia do inbound marketing é eficaz porque leva em consideração o comportamento do consumidor na era digital, onde as pessoas estão cada vez mais exigentes em relação aos produtos e serviços. Há alguns anos, enviar e-mail marketing em massa ou promover várias inserções de anúncios no rádio gerava certo resultado, porém, o consumidor atual ficou mais sensível em relação aos anúncios de interrupção, e, neste cenário, o inbound marketing é a melhor alternativa, já que você atrai o cliente através de conteúdos inteligentes e relevantes, e, principalmente, um conteúdo que ofereça a solução aos problemas que ele enfrenta. Além de atrair o cliente com conteúdo inteligente, a metodologia de inbound marketing usa estratégias de relacionamento levando em consideração a etapa que a pessoa se encontra na jornada de compra, e isso faz com que as estratégias se tornem ainda mais eficazes.

7- Qual a importância de um fluxo de nutrição de leads?

Segundo a pesquisa da empresa americana Software Advice, a estratégia de nutrição de leads, ou lead nurturing, é o principal motivo de se investir em automação de marketing. A esmagadora maioria das pessoas que acessam um site não estão prontas para consumir o produto ou serviço oferecido. Sendo assim, é necessário criar um engajamento com esses visitantes e transformá-los em leads qualificados. Na jornada de compra de um produto com venda complexa, muito frequente no mercado B2B, por exemplo, é preciso criar fluxos de nutrição levando em consideração todos os estágios da jornada de compra, desde a aprendizagem, consideração e decisão. Na fase de aprendizagem a pessoa ainda não tem muito claro o problema que ela precisa resolver, e, neste momento, é preciso criar conteúdos mais educativos – o que chamamos de topo de funil. Leads na etapa de consideração já estão cientes de que precisam de uma solução, então a empresa deve entregar conteúdos mais estratégicos, e na última etapa de decisão é preciso enviar estudos de caso, chamadas para demonstrações para converter a oportunidade.

8- Cases de Sucesso: Apresente algum case de sucesso da SharpSpring.

Eu gostaria de compartilhar as estratégias de Inbound Marketing e Automação de Marketing que estão tornando o restaurante Le Manjue uma referência em gastronomia funcional e orgânica. O case de sucesso foi realizado pela Agência NA5, que planejou as estratégias, desde o redesign do site até as ferramentas de abandono de carrinho de compras para e-commerce. Mais detalhes no link: Case SharpSpring

9- Para você qual deve ser o principal objetivo de uma agência de marketing digital?

O principal objetivo da agência é variável, irá depender da missão da empresa, do momento que a agência se encontra no mercado. No entanto, toda agência tem o dever e necessidade de gerar resultados, sejam eles traduzidos em vendas, marketshare ou brand awareness. Conseguir comprovar o ROI das ações de marketing, apresentar os resultados ao cliente de forma palpável é o grande desafio das agências, e,  por este motivo, as plataforma de automação de marketing têm ganhado tanto espaço nos últimos anos, pois é possível rastrear todos os impactos das ações de marketing e vendas em uma única ferramenta.

10- Quais são os profissionais do mercado que você indica como referência para os nossos leitores seguirem?

Eu tenho o privilégio de ter como amigo e parceiro o @CassioPoliti da Tracto Marketing, principal autoridade em content marketing no Brasil e parceiro da Content Marketing Institute.

Para quem está iniciando em marketing de conteúdo, indico também o @RafaelROliveira.

Referente a inbound marketing eu sigo o professor @angelopublio que sempre apresenta as novidades e ferramentas do mercado.

superstorm

Related Posts
Leave a reply