Chatbots são tendências para 2017

Chatbots são tendências para 2017

Acompanhar as tendências do universo digital está longe de ser uma tarefa simples, já que constantemente há novidades, mudanças, assim como a necessidade de inovação, atualização e soluções criativas. Mas já podemos te adiantar que, se existem tendências para 2017, sim, os chatbots irão aparecer no topo da lista, especialmente se pensarmos em comunicação, atendimento e relacionamento entre marcas e consumidores! Quer saber o porquê?

Então, antes, vamos a uma rápida reflexão sobre o cenário atual e a importância de um bom atendimento. Recentemente, uma pesquisa da LogMeIn, realizada pelo Instituto Ovum, mostrou que o atendimento on-line ruim afasta muitos clientes: 82% das pessoas entrevistadas já abandonaram uma marca devido a uma única experiência.

Há pouco tempo também descobrimos, de acordo com a consultoria Vanson Bourne, que 53% dos clientes usam dispositivos móveis para pesquisar sobre um produto ou serviço antes de fazer uma compra, sendo 44% o número daqueles que finalizam pedidos através desses meios. E você sabia que, segundo o último Índice de Confiança do E-Consumidor, medido pela ABComm e a Trusted Company, os consumidores brasileiros fecharam 2016 8% mais confiantes nas compras pela internet?

Em relação ao SAC 2.0 e seu uso nas redes sociais, um levantamento do SCUP mostrou que apenas 55,5% das empresas respondem 100% das mensagens recebidas. Além disso, devido à alta demanda diária, ainda há uma grande preocupação com o tempo de resposta às interações recebidas.

Ok… E o que todos esses números têm em comum? O que eles representam para os chatbots? A verdade é que cada vez ouvimos mais notícias e dados crescentes sobre o número de canais de atendimento ao cliente. Mas, mais importante do que isso, deve existir uma expansão na forma com que esse atendimento pode ser realizado. O chatbot surge para se diferenciar exatamente neste aspecto, como uma solução simples, prática, dinâmica e inovadora de interação com os usuários.

Chatbots: O que são? Por que usar?

Se você ainda não ouviu falar no termo “chatbots”, não se preocupe, pois é muito provável que, na realidade, você já tenha interagido com eles. Esses robozinhos virtuais utilizam a inteligência artificial para se comunicarem de maneira natural com as pessoas. Eles atuam em interfaces de fácil acesso, em chats/conversas que já conhecemos, como os boxes de “como posso te ajudar?” presentes nos sites, nas nossas telas de SMS e nos diálogos que mantemos com as empresas através do Facebook Messenger.

Entre os inúmeros benefícios que um chatbot pode oferecer para a sua empresa, está a redução de custos, a otimização de tempo em atendimento, assim como a qualidade nas interações entre marca e consumidor e acesso ao histórico completo de cada usuário.

Ter um chatbot e personalizá-lo de acordo com o perfil da sua marca e através de linguagens coloquiais que ganhem a simpatia dos clientes, é como ter um funcionário prestativo, objetivo e responsável para surpreender no atendimento. A diferença é que ele não terá que passar pelo RH e estará disposto a trabalhar 24 horas por dia. Chegou uma mensagem nova? Deixe que, em alguns segundos, ele responderá!

O intuito, aqui, não é substituir o atendimento humano, e sim criar um facilitador na comunicação entre marca e consumidor, com base na melhor estratégia da empresa. Assim, você estará fidelizando clientes de uma maneira nova, eficaz e personalizada para cada um de seus objetivos.

O mundo aposta nos chatbots em 2017!

O ano de 2016 marcou um momento bastante significativo para os chatbots, que começaram a ser cogitados como parte de um processo novo de comunicação para várias empresas. 2017, portanto, é o ano de colocá-los em prática! Mark Zuckerberg, CEO do Facebook, já declarou sua aposta nos chatbots como verdadeiras tendências para o futuro, assim como Google, Amazon, Microsoft e outras grandes empresas cujo interesse em investir nessa ferramenta é unanimidade. E não é raro ouvirmos burburinhos de que, em breve, os famosos chatbots serão integrados ao WhatsApp, um dos apps de mensagens instantâneas mais utilizados no mundo.

Ao mesmo tempo, é inegável que desenvolvedores, marcas e usuários ainda tenham muito o que descobrir com os chatbots. A grande tendência é que, neste ano, essa tecnologia evolua com diálogos cada vez mais semelhantes àqueles realizados por humanos, com funções sofisticadas que irão desde o senso de humor, a venda de produtos, o uso em aplicativos móveis e a interação sempre próxima, que fará com que o usuário se identifique com a marca, fique satisfeito com sua busca e curioso para a próxima experiência. Em 2017, essa experiência será ainda mais completa!

Por fim, é neste momento que os chatbots transformarão a maneira com que o atendimento ao cliente é feito, prezando pelo que sempre buscamos ao máximo: a qualidade. E sabe aqueles números lá em cima, que citamos no início do texto? A expectativa é que 2017 termine com dados ainda mais consistentes e positivos sobre o atendimento on-line, com grande foco em dispositivos móveis e, independentemente da plataforma, com respostas cada vez mais rápidas, interessantes e satisfatórias aos usuários.

E agora você já sabe quem serão os responsáveis por isso, certo? Inteligência artificial, chatbot e automação podem, juntos, oferecer infinitas possibilidades para garantir os melhores resultados à sua empresa! Quer fazer um teste? Entre em contato e conte com a solução do Superstorm!

superstorm

Related Posts
Leave a reply